O mundo do vinho tem um vasto e rico vocabulário, e de quando eu quando escolherei alguns termos para explicar o significado.

As duas palavrinhas deste post são bem comuns e bastante utilizadas, até de forma incorreta, inclusive: 

DECANTAR: verbo transitivo. Passar suavemente um líquido de um vaso para o outro a fim de separá-lo do sedimento ou depósito. 

Decantar o vinho é o ato de verter, de transferir a bebida da garrafa de vinho para o decantador, seja para separar o líquido da borra quando o vinho é envelhecido, seja para aerar o vinho.

AERAR: verbo transitivo. Expor ao ar (ex.: o silo permite aerar os grãos)

Aerar o vinho é permitir o contato amplo da bebida com o ar para que ele “respire” e evolua.

Pode-se aerar um vinho colocando-o no decantador pelo menos meia hora ates de ser servido (a base larga do decanter serve exatamente para permitir o maior contato possível do líquido com o ar). Também pode-se aerar o vinho na própria taça, girando-a com firmeza, para que o vinho “abra” na taça e libere os seus aromas.

Anúncios